STOP GAIN

É similar ao Stop Loss com a diferença de que, aqui você irá definir o quanto espera de retorno, lucro com a operação.
Exemplo: compro determinada ação a R$ 10,00 e caso ela chegue a R$ 11,00 imediatamente eu vendo. Determinei um Stop Gain de 10% de lucro.
Obviamente que seu Stop Gain deve ser maior que seu Stop Loss. Por exemplo, se você definir um Stop Loss de 5% o seu Stop Gain poderia ser de 10%.
Não fique frustrado caso você venda sua ação por determinado preço, e com lucro, e de repente ela dispare. É possível acontecer sim, mas esteja certo que o importante é ser disciplinado.

O lucro na tela do Home Broker não é garantido até que você efetue a venda.

 

Lucro bom é o lucro no bolso!


O que acontece muito é que muitos iniciantes determinam um Stop Gain, mas quando a ação chega ao preço estimado, eles não vendem, pois esperam ter um retorno ainda maior. Com toda essa ganância e com uma "virada" de Mercado essa posição vencedora pode ficar perdedora em pouco tempo.
Chegou ao preço que você queria, venda, se ação subir mais, paciência. O Mercado está aí para que você busque outras oportunidades e já adianto que são infinitas, diariamente.

Muitas corretoras disponibilizam para seus clientes as Ordens Stop Gain. Logo no momento da compra você já define a quanto quer vender e o Home Broker dispara a ordem de venda automaticamente quando a ação chega no preço estimado. Com isso não é necessário que você fique o dia todo acompanhando o Mercado. O exemplo do Stop Gain é igual ao do Stop Loss.


Aí você pergunta, qual o percentual ideal para eu definir?
É muito relativo. Varia muito e depende da sua estratégia. Conheço alguns Day Traders que colocam um Stop Gain de 2% e Loss de 1%. Como são compras com valores significativos, esse percentual está ótimo.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!