Informações Privilegiadas

Essa é para os investidores que tem bons contatos no mercado e na verdade não deixa de ser uma estratégia. Se o contato realmente for influente, basta somente um negócio para que fique rico.

Chamado de INSIDER no Mercado de Ações, ele tem informações privilegiadas da empresa que trabalha e passa essas informações para outros contatos ou usa para o próprio bem.

Um exemplo mais claro de INSIDER seria eu trabalhando em algum Banco, na área estratégica e em meio a algumas reuniões decidíssemos adquirir um outro Banco. Esse tipo de informação é muito valiosa.

Como sou dos primeiros a saber dessa compra, posso me antecipar e comprar muitas ações do banco que será adquirido antes da informação ser divulgada no mercado.

 

Certamente quando for divulgada a compra do banco, suas ações irão disparar em instantes. Com isso realizo meu lucro absurdamente alto em um espaço de tempo curtíssimo.

 

Aí você pergunta: orra! Mas por que tamanha influência?

Veremos...

Tenho um amigo que trabalha no Bradesco e ele fica sabendo que o Bradesco – BBDC4 pretende comprar, por exemplo, o Banco da Amazônia – BAZA3.

Como ele fica sabendo antes de todo mundo, compra várias ações do BAZA pois quando essa notícia for divulgada no mercado, certamente a ação do BAZA vai valorizar  muito em pouquíssimo tempo.

Mas por quê?

Um dos motivos é o patrimônio do Bradesco versus  Baza! Outro argumento é o seguinte:

O TAG-Along.

Quando uma empresa é vendida, os minoritários detentores de ações ordinárias têm o direito de receber por suas ações, no mínimo, 80% do valor pago aos acionistas controladores da empresa.

Citei que somente os detentores de Ações Ordinárias mas algumas empresas dão esse direito também a quem tem Ações Preferenciais.

Quanto a ter essa informação privilegiada, você acha sacanagem?

 

Claro que é! E a CVM sempre investiga quando acontece algum tipo de movimento “estranho” no mercado dias antes de algum anúncio de grande influência no valor das ações.

Esse tipo de prática é criminosa e dá cadeia mas mesmo assim, dificilmente alguém é pego já que as compras nunca são feitas em nome do INSIDER.

 

Abaixo algumas informações que afeta de forma brusca o preço das ações e é claro, esses exemplos são de certa forma bem vagos. As informações que afetam de forma significativa o preço de uma ação são das mais variadas possíveis e cabe ao Mercado decidir se o fato realmente é relevante ou não.

Por exemplo, o anúncio de compra de uma outra determinada empresa pode ser vista pelo mercado de forma negativa a curto prazo pois aumentaria seu endividamento. De qualquer forma, vamos exemplificar o que poderia influenciar e que o INSIDER saberia antes de todos.

A seguir, histórico o gráfico da Nossa Caixa – BNCA3 quando anunciaram que o Banco do Brasil pretendia comprá-la.

Note o tamanho do GAP entre o fechamento do dia anterior e a abertura do dia seguinte.

Em um dia uma variação de mais de 40%

Gráfico extraído através do Home Broker BanifInvest

 

Se houvesse algum INSIDER dentro do Banco do Brasil, certamente ele lucrou e muito nesse dia.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!